Milagres Confirmados de Santa Irmã Dulce



Olá, 
amigos e amigas, 
como todos nós sabemos, 
a Irmã Dulce será 
santificada pelo 
Papa Francisco, em
13 de outubro de 2019, 
no Vaticano.

Para tornar-se santo, 
é necessário ter ao menos 
dois milagres confirmados. 

Neste vídeo,
iremos falar 
sobre os dois milagres 
de Irmã Dulce que 
foram reconhecidos 
pela Congregação
das Causas
dos Santos,
órgão da Igreja
responsável
por apurar
a veracidade
dos milagres
atribuídos
aos candidatos
a santos. 

O primeiro milagre 
ocorreu em 
11 de janeiro de 2001, 
quando uma jovem senhora 
que estava em trabalho 
de parto deu entrada 
na Maternidade São José, 
localizada no estado 
de Sergipe. 

Devido a um 
sangramento incontrolável, 
a paciente passou 
por três cirurgias, 
sem solução. 

Como a situação 
parecia irreversível, 
a família decidiu chamar 
o capelão do hospital, 
Padre José Almir Menezes, 
para que lhe fosse 
ministrada a unção 
dos enfermos. 

Porém, 
o sacerdote perguntou 
se ela acreditava 
que Deus poderia curá-la 
a partir da intercessão 
de Irmã Dulce, 
e também disse que 
“Irmã Dulce está precisando 
de um milagre para 
que o seu processo 
de canonização 
siga adiante, 
e você precisa de 
um milagre para continuar 
vivendo e cuidando 
de seus filhos e 
da sua família”. 

Segundo o Padre, 
a paciente aceitou 
imediatamente, eles 
rezaram e ela recebeu 
a unção dos enfermos.

O Padre pegou 
uma foto de Irmã Dulce, 
a colocou no suporte 
do soro e disse 
para que a mulher olhasse 
para a foto, 
que Irmã Dulce olharia 
para ela. 

Algumas horas depois, 
ele foi comunicado que 
a paciente já passava bem.

O médico Sandro Carral, 
um dos peritos médicos 
que avaliaram o milagre, 
disse que a velocidade 
com a qual se processou 
a melhora 
não tem explicação. 

Dez médicos do Brasil 
e  seis da Itália, 
também avaliaram 
o caso, 
e nenhum deles conseguiu 
explicar a rapidez 
da melhora em condições 
tão adversas, 
como a falta 
de vaga na UTI, 
entre outras dificuldades,
confirmando, assim,
o primeiro milagre
de Irmã Dulce.

O segundo milagre 
ocorreu quando 
um maestro baiano, 
que estava cego 
por quatorze anos, 
voltou a enxergar, 
após ter pedido 
a Irmã Dulce, 
em uma noite na qual 
estava com conjuntivite 
e não conseguia dormir, 
para que ela ajudasse 
a acabar com sua dor. 

No dia seguinte 
ele já começava 
a enxergar.

Esse caso também 
foi avaliado por 
vários médicos 
no Brasil e em Roma, 
e os exames do homem 
mostram lesões 
que deveriam impedi-lo 
de ter o sentido da visão.

Estava confirmado
o segundo milagre 
de Irmã Dulce.

Existem relatos 
de mais de 
7 mil milagres 
atribuídos a 
Irmã Dulce.

Peça seu milagre a Irmã Dulce
na milagrosa oração em nosso
vídeo abaixo:




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Oração Milagrosa de Santa Irmã Dulce

Oração a Santa Corona - Padroeira das Vítimas de Epidemia

Sim, existe realmente uma Santa Corona! E suas Relíquias se encontram no norte da Itália